quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Voto Nulo e Voto em Branco





As eleições estão chegando, já sabe em quem votar? Se sua resposta é sim, você tem certeza? Estará votando porque o candidato apresenta as melhores propostas? Ou é porque ele está na frente das pesquisas? E se sua resposta é não, já percebeu que falta menos de uma semana para as eleições?

Ainda tem aquelas pessoas que dizem que vão votar em branco, ou nulo mesmo, mas você sabe a diferença entre os dois?

O voto nulo é quando o eleitor digita um número errado na urna eletrônica e confirma. O voto em branco é quando o eleitor aperta o botão “branco” do aparelho.

Hoje há uma confusão em achar que há diferença entre voto em branco e voto nulo. Isso porque até 1997, os votos em branco eram contabilizados para se chegar ao percentual oficial de cada candidato, ou seja, era como votar em um candidato virtual que no final doava seus votos pra quem estivesse na frente.

Porém, com a lei 9.504/97 os votos em branco tiveram o mesmo peso que os nulos, ou seja, não valem nada.

Há ainda uma ideia de que se em uma eleição os votos em branco e nulos contabilizarem mais de 50%, a eleição é cancelada, o que é mais uma ideia equivocada. Tudo isso não passa de leitura errada da legislação, segundo as mais recentes interpretações do próprio TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Mesmo o voto em branco não valendo nada, você votaria em ninguém pra governar o país, ou seja, um país sem ninguém comandando? É um caso a se pensar, e pensar rápido, as eleições são próximo domingo. Abre o olho Brasil.


Nenhum comentário:

Postar um comentário