quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

COLÍRIOS por Kaio Oliveira - Retrospectiva 2010

Um dos posts mais marcantes e que mais gerou discussão, foi o que o nosso colunista Kaio Oliveira fala sobre os Colírios. Confira e deixe a sua opinião:


INTRODUÇÃO: Colírio é um medicamento para ser aplicado nos olhos e pálpebras, certo? ERRADO.

Para uma pequena fatia da sociedade teen, mais precisamente garotas com média de idade de 10 a 16 anos, colírio é outra coisa. Garotos “bonitos” que são almejados e desejados por elas. Usei o adjetivo bonitos entre aspas, por que essa é a única qualidade e o único talento que a maioria deles têm, aliás, ser bonito é um talento? Pra mim, dependendo do caso, beleza pode ser considerado sim um talento, quando? Quando você não sabe fazer mais p**** nenhuma, não sabe cantar, atuar, desenhar, escrever, daí sim, você deve focar no que você tem de melhor, ou no que pensa que tem. Antes que as garotinhas me condenem, me crucifiquem ou algo do tipo, pelo fato de eu está apenas expressando aqui meu conceito sobre colírios, eu não estou os julgando, até porque, também sou colírio, mas nunca, em nenhum momento, eu me achei ou quis ser melhor ou ter mais direitos em relação aos demais só por ser um. Ser colírio não é nada de mais, ele é só um garotinho bonitinho que se acha popzinho, alguns até são, alguns são legais, alguns têm talento, há aqueles que nem são bonitos como pensam (oferecimento Photoshop). Mas que me perdoem os que não concordarem, mas a maioria deles se acha demais e não responde ninguém no twitter, não responde até mesmo quem faz seu sucesso, as fãs. P****, se toquem, dêem atenção pra quem lhes venera, dêem atenção pra quem te fez virar um popzinho, não é problema meu se vocês não respondem “suas fãs” afinal cada um faz o que quer com seu twitter e com sua vida, mas a partir do momento, que você põe na sua bio: sou colírio, oficial e exclusivo da ####. Respondo todos, sou humilde e simpático blá blá blá; você tem por direito e dever, cumprir o que escreveu, isso se você se preocupar com sua credibilidade com as fãs, muitos não são sinceros e acabam mentindo, escrevendo em sua bio qualidades falsas só pra atrair público. Coloque verdades, mesmo que seja constrangedor, assuma-se, escreva do seu chulé; escreva que você é burro; escreva que não tem olhos azuis, e usa lente; talvez assim, você ganhe mais carinho e admiração... e followers (vício de quase todos os colírios, que eu acho asneira, pra mim o que importa é qualidade e não quantidade).

  
OBS: Reforçando que esse post é meu, a opinião e o conceito também, não é intenção minha fazer você concordar comigo. Leia, tire suas próprias conclusões, se concordar comente, se não concordar, comente também, aceito críticas. Kaio Oliveira (@kaiooliveiras).


Nenhum comentário:

Postar um comentário